Pastor da Assembleia de Deus do Brás, Samuel Cássio Ferreira, Amigo do Irmão Eduardo Cunha entra na mira da Lava Jato

Supremo autoriza Sérgio Moro a ouvir Samuel Ferreira

Supremo autoriza Sérgio Moro a ouvir Samuel Ferreira

O pastor Samuel Cássio Ferreira, da Assembleia de Deus do Brás, São Paulo, entrou de vez na mira da Lava Jato. A decisão do plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) desta quarta (11), determinou a remessa para o juiz Sérgio Moro da investigação.

Continue Lendo